"Aos leitores, gratidão, essa palavra-tudo."
Carlos Drummond de Andrade

sábado, 16 de julho de 2011

TODOS OS MESES



Todos os meses

você me envergonha,

me constrange e me persegue


Todos esses dias

eu gasto-me

pensando em ti




E gasto minhas entranhas

tentando resolver

o que já se sabe assumido.

(Cybelle Ortins)

terça-feira, 5 de julho de 2011

Quem és?




Quem és?

Tu que me assustas

Com teu amor

que eu nem suspeitava;



Quem és,

que me assombras com delicadezas

com as quais apenas sonhei?

delicadezas que desejei pela vida inteira...

porque, agora te desprezo?


Chegaram tão inesperadamente

vindas de quem eu não desejava

que não sei de as devoro esfomeada

ou se me retiro para o nada

de onde tantas vezes desejei fugir.

(Cybelle Ortins)








domingo, 20 de março de 2011

Possibilidade


Há três anos eu era folha
seca, levada ao vento
e um vento mais forte
me soprou longe
Há dois anos virei erva
frágil e embora viçosa
muito pequena
mais um ano
e sou semente
com todas as possibilidades
que a semente em si encerra.
aguardando a hora
de germinar, de crescer,
carente de cuidados
hora regada, hora não
mas resistente mesmo que
ainda uma possibilidade.